A mãe da menina Maysa

Muita gente criticou a atitude de Silvio Santos que, sem-noção (palavra que mantém o hífem mesmo com as novas regras gramaticais) que é, está traumatizando uma criança que ficará marcada para o resto da vida. O caso Maysa é ainda mais grave do que o da Sacha. 

Aliás, não sei se o Marcelo Camelo já passou pela casa da Xuxa, mas para os desavisados é ele que tem buscado Maysa na porta dos estúdios de Sílvio Santos. A mãe da menina não aparece mais por estar bem longe do Brasil. 

Não suportando ver o sucesso da filha ela foi tentar a vida em Londres. Pra falar com ela agora tem que gritar. E gritar bem alto!


A vizinha do meu pai

Meu pai é um daqueles que adora se fazer de vítima e não me liga pra poder dizer depois "Meu filho não dá notícias há mais de 1 semana"... Pois bem, como ele é pai a gente engole algumas coisas e telefona de vez em quando pra saber se está tudo bem. Da última vez que eu liguei ele me falou de uma vizinha dele:

Meu pai: Sabe aquela que mora no meu prédio, mas está sempre aí perto do seu?
Eu: Sei...
Pai: Pois é. Te viu outro dia e veio me dizer "Seu filho era tão magrinho e está enorme de gordo!"
Eu: Avisa que o meu problema eu resolvo com uma simples caminhada de manhã. Quero ver ela que é velha, manca e xereteira se resolver...

Pena que algumas coisas (como a última parte desse diálogo) a gente também deixa passar para não ouvir depois "...e quando liga ainda é grosso!"

A menina Maysa

O caso da menina Maysa, como não poderia deixar de ser, está tomando proporções grandes. O Ministério Público Federal está intervindo para fazer a menina parar de trabalhar. O processo foi aberto depois da menina chorar pela segunda semana seguida no Programa Sílvio Santos. 
(Vídeo abaixo)


É uma maldade deixar uma criança achar que é artista. 
Pensando no caso, Marcelo Camelo já avisou que quer namorar a menina e entrar na disputa de quem come mais criancinha com Michael Jackson, os padres da Igreja Católica e os comunistas.
Mallu Magalhães já está batendo cabeça pra tentar segurar o homem e disse que se for trocada vai chorar também.

Dia da Cachaça

Ontem foi o Dia da Cachaça, instituído não sei quando porque álcool afeta a memória. Mas uma coisa que não esqueço é da minha produção artesanal.


Vai um aperitivo aí?

E por falar em pinga, parece que o filme sobre Wilson Simonal é muito interessante...

Viajando...

Gente, tô aqui só pra dizer que se faz tempo que eu não apareço é porque estou descobrindo meu jeitinho de viajar de graça. Estou tão tranquilo com a situação brasileira quanto esse sujeito aqui;